FANDOM


Manoel Gonçalves Ferreira FilhoEditar

Manoel Gonçalves Ferreira Filho (São Paulo, 21 de junho de 1934) é um advogado, jurista, político e professor brasileiro.

Foi titular de Direito Constitucional da Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo.

Foi Diretor da Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (1973/1974)

Especialidade JurídicaEditar

Direito Constitucional

OrigemEditar

Estado de São Paulo

FamíliaEditar

ProfissãoEditar

Advogado, jurista, político e professor.

Formação acadêmicaEditar

Curso primário no Externato Assis Pacheco.

Cursos ginasial e colégial no Colégio São Luís.

Graduação em Direito pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo tendo colado grau em 1957.

Doutor em Direito pela Universidade de Paris.

Livre-Docente em Direito pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo.

Professor Titular (aposentado) de Direito Constitucional da Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo.

Doutor honoris causa da Universidade de Lisboa.

Ex-Professor visitante da Faculdade de Direito de Aix-en-Provence (França).

Membro da Academia Brasileira de Letras Jurídicas.

Presidente do Instituto “Pimenta Bueno” – Associação Brasileira dos Constitucionalistas.


Obras publicadasEditar

A democracia possível. São Paulo: Saraiva, 1972.

Direitos Humanos Fundamentais - 11ª ed - Editora Saraiva

Curso de Direito Constitucional. São Paulo: Saraiva, 1967. 36ª ed., 2010.

O Parlamentarismo. São Paulo: Saraiva, 1993.


Ideologia/Partidos políticosEditar

Conservador moderado

Cargos públicosEditar

Assessor do Ministro da Justiça Alfredo Buzaid, durante o Governo Emílio Garrastazu Médici.

Ministro da Justiça em carater interino (1969/1971)

Secretário de Administração do Estado de São Paulo (1972)

Secretário de Justiça do Estado de São Paulo. (1972/1973)

Diretor da Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (1973/1974)

Vice-Governador do Estado de São Paulo (1975/1979)


ReligiãoEditar

WikipédiaEditar

http://pt.wikipedia.org/wiki/Manoel_Gon%C3%A7alves_Ferreira_Filho


Outros sitesEditar

Entrevista com Fernão Bracher: http://www.bresserpereira.org.br/Books/EmBuscadoNovo/31-Entrevista-com-Fern%C3%A3o-Bracher.pdf

FrasesEditar

Sobre si mesmo no prefácio do livro "Princípios Fundamentais do Direito Constitucional" (Saraiva, 2010, 2. ed.): "É obra de um conservador, mas que se supõe um conservador esclarecido..."


CitaçõesEditar

Democracia - definição:

Vários são os tipos de democracia que a doutrina distingue. Ou, em outras palavras, vários são os sistemas pelos quais se procura realizar o ideal de fazer coincidir, no máximo possível, os governantes e os governados. Isso para que todo ser humano continue livre no Estado, sujeitando-se a um poder de que também participe. (FERREIRA FILHO, 2008, p. 82)[1] (sem grifos no original)


Direitos fundamentais

“[...] a idéia de se estabelecer por escrito um rol de direitos em favor de indivíduos, de direitos que seriam superiores ao próprio poder que os concedeu ou reconheceu, não é nova. Os forais, as cartas de franquia continham enumeração de direitos com esse caráter já na Idade Média...”(FERREIRA FILHO, Manoel Gonçalves. Curso de direito constitucional. 26 ed. São Paulo: Saraiva, 1999.) (sem grifos no original)


ReferênciasEditar

  1. FERREIRA FILHO, Manoel Gonçalves. Curso de direito constitucional. 34. ed. rev. e atual. São Paulo: Saraiva, 2008.


voltar

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória