FANDOM


Bresser PereiraEditar

Luiz Carlos Bresser Gonçalves Pereira (São Paulo, 30 de junho de 1934) é um advogado, administrador de empresas, economista, cientista político.

Seu 1° livro, Desenvolvimento e Crise no Brasil, lançado em 1968, teve a 5ª edição publicada atualizada em 2003. Vários dos seus livros foram traduzidos para o inglês, o espanhol e o francês.


EspecialidadeEditar

Economia


OrigemEditar

Estado de São Paulo


FamíliaEditar

ProfissãoEditar

Advogado, administrador de empresas, economista e cientista político.


Formação acadêmicaEditar

Cursou a Faculdade de Direito da USP, é mestre em Administração de Empresas pela Michigan State University, doutor e livre docente em Economia pela USP.

Ensinando na Fundação Getulio Vargas de São Paulo desde 1959, foi seu 1° professor a receber o título de professor emérito, em 2005.

É presidente do Centro de Economia Política e editor da Revista de Economia Política desde 1981 quando a fundou.

Lecionou, em nível de pós-graduação, Desenvolvimento Econômico na Universidade de Paris I (Panthéon-Sorbonne), e Teoria Política no Departamento de Ciência Política da USP, e desde 2003 ministra curso de um mês na École des Hautes Études en Sciences Sociales de Paris.

Foi visitante do Instituto de Estudos Avançados da USP, e 2 vezes do Centro de Estudos Brasileiros da Universidade de Oxford (Nuffield College e St. Anthony’s College).


Obras publicadasEditar

Desenvolvimento e Crise no Brasil (1968)

As Revoluções Utópicas (1972)

Estado e Subdesenvolvimento Industrializado (1977)

A Sociedade Estatal e a Tecnoburocracia (1981)

Inflação e Recessão, com Yoshiaki Nakano (1984)

Lucro, Acumulação e Crise (1986)

A Crise do Estado (1992)

Economic Reforms in New Democracies, com Adam Przeworski e José Maria Maravall (1993)

Reforma do Estado para a Cidadania (1998)

Democracy and Public Management Reform (2004).

Macroeconomia da Estagnação (2007).

Construindo o Estado Republicano (2009)

Mondialisation et Compétition (2009)


Ideologia/Partidos políticosEditar

Keynesianismo


Cargos públicos e/ou relevantesEditar

Presidente do Banco do Estado de São Paulo (1983-85) e secretário de Governo do estado de São Paulo (1985-87) na gestão Franco Montoro.

Ministro da Fazenda do Brasil de 29 de abril de 1987 a 21 de dezembro do mesmo ano, durante o governo José Sarney.

Ministro da Administração Federal, em substituição ao general-de-brigada Romildo Canhim, e ministro de Reforma do Estado em todo o 1° mandato presidencial de Fernando Henrique Cardoso (1995–1998)

Ministro da Ciência e Tecnologia nos 6 meses iniciais do 2° mandato, permanecendo nesse cargo até 19 de julho de 1999.

Presidente do Clad (Consejo Latinoamericano de Administración para el Desarrollo) (1995-97) e presidente do seu Conselho Científico (1998-2005).

É membro do conselho diretor do CEBRAP, de cuja fundação participou em 1970, do conselho consultivo do Grupo Pão de Açúcar, do qual foi diretor administrativo entre 1965 e 1983, do conselho de administração da Le Lis Blanc desde 2008 e patrono da Associação Keynesiana Brasileira desde sua fundação, em abril de 2008.

ReligiãoEditar

Católico - jesuíta


WikipédiaEditar

http://pt.wikipedia.org/wiki/Bresser_Pereira


Outros sitesEditar

www.bresserpereira.org.br

Entrevista com Fernão Bracher: http://www.bresserpereira.org.br/Books/EmBuscadoNovo/31-Entrevista-com-Fern%C3%A3o-Bracher.pdf

Opinião sobre medidas econômicas do governo petista: http://pt-br.pauloacbj.wikia.com/wiki/Bresser_e_o_PT

http://www1.folha.uol.com.br/colunas/luizcarlosbresserpereira/1202385-baixo-crescimento-ideologia-e-pensamento.shtml

FrasesEditar

NotíciasEditar

voltar

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória